Noticias

REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES DO COMÉRCIO

Secretário de Saúde regulamenta Decreto Municipal. Veja os principais pontos

REGULAMENTAÇÃO  DAS ATIVIDADES DO COMÉRCIO

O secretário Municipal de Saúde Fonseca Neto, baixou o Ato SMS n.º 001/2020, regulamentando o Decreto Municipal n.º 5.077/2020, sobre as novas medidas de prevenção e combate à covid-19, e estabelecendo os protocolos para os estabelecimentos autorizados a funcionar, em atenção às normas da Vigilância Sanitária e da Organização Mundial da Saúde - OMS.
EM SÍNTESE, são esses os protocolos:

COMÉRCIO
• O acesso às lojas deve ser limitado, com controle do número de clientes, além das seguintes medidas:
• Disponibilizar álcool em gel 70%;
• Utilizar canais on-line para clientes que tenham movimentação restringida;
• Evitar promoções que causem aglomerações;
• Vetar sacolas reutilizáveis;
• Implantar corredores para coordenar o fluxo de clientes;
• Evitar aglomeração nos caixas e sinalizar o distanciamento;
• Não oferecer serviços que retardem a saída do consumidor;
• Dispor comunicados que instruam os compradores e funcionários sobre as normas de proteção;
• Manter distanciamento seguro entre clientes e funcionários;
É OBRIGATÓRIO O USO DE MÁSCARAS PARA CLIENTES E FUNCIONÁRIOS

LIMPEZA E DESINFECÇÃO
• Reforçar limpeza de maçanetas, cadeiras, bancadas etc.
• Limpeza e desinfecção pré e pós-turno de trabalho;
• Aumento das estações de lavagem e de álcool em gel;
• Colocar álcool na entrada do estabelecimento;
• Manter ambientes ventilados e o ar condicionado limpo;
• Protocolo de higienização na ocorrência de teste positivo para funcionário;

DISTANCIAMENTO SOCIAL NO TRABALHO
• Utilizar, se possível, o Termômetro Digital Infravermelho de Testa, para aferir a temperatura dos colaboradores, na chegada ao trabalho;
• Recomendação para que os clientes evitem horários de pico.

ATIVIDADES DE ESTÉTICA
Uso de máscaras para clientes e profissionais;
• Manter pia, água e sabão ou álcool gel 70% para higienização das mãos dos clientes e do profissional;
• Efetuar a desinfecção a cada uso dos utensílios (pentes, escovas, tesouras etc.) em solução clorada, respeitando o tempo de ação do produto (pelo menos 20 minutos de imersão na solução);
• Uso de avental pelo profissional;
• Desinfecção das cadeiras com álcool 70% ou solução clorada;
• Permitir o acesso de apenas um cliente e proibir acompanhantes (exceto para pessoas com dificuldade de mobilidade);
• Disponibilizar copos descartáveis;
• Manter o ambiente ventilado;
• O profissional com sintomas gripais, respiratórios não deve atender clientes;
• Clientes com iguais sintomas não devem ser atendidos.

USO CORRETO DE MÁSCARAS
• Coloque a máscara para cobrir a boca e o nariz e amarre sem deixar espaços entre a face e a máscara;
• Evitar tocar na máscara enquanto estiver usando e, se tocar, higienizar as mãos;
• Substituir a máscara por nova assim que ficar úmida;
• Remover a máscara usando a técnica apropriada: não tocar na frente, mas remover pelas alças;
• Após a remoção da máscara, higienizar as mãos com água e sabão ou álcool gel 70%;
• Mesmo com o uso de máscaras, deve-se evitar falar desnecessariamente, tossir ou espirrar.

HIGIENE PARA FUNCIONÁRIOS
• Usar álcool em gel ou lavar as mãos a cada duas horas, sempre que mudar de ambiente ou mexer nos EPIs.
• Não tocar o rosto e manter EPIs higienizados.

MONITORAR A SAÚDE DA EQUIPE
• Verificar diariamente o estado de saúde dos funcionários/colaboradores sobre possíveis sintomas gripais; como tosse, cansaço, congestão nasal;
• Acompanhar a ocorrência de casos suspeitos/confirmados na família ou residência do funcionário;
• Esclarecer os funcionários sobre os protocolos.

ACADEMIAS DE GINÁSTICA
• Os protocolos foram definidos de acordo com o Conselho Regional de Educação Física da 4.ª Região - CREF4/SP, sob orientação da OMS e Ministério da Saúde, quanto à limpeza, desinfecção etc.

A INTEGRA DO PROTOCOLO, COM TODAS AS INFORMAÇÕES, ESTÁ DISPONIVEL  NESTE LINK